financeiro@casadosrolamentosba.com.br
(77) 3628-1692 / 3628-4033

Rolamentos

Rolamentos rígidos de esferas

rolamentos rígidos de esferas

Os rolamentos rígidos de esferas são particularmente versáteis. Eles são de concepção simples, de tipo não separável, indicados para velocidades elevadas e extremamente elevadas, resistentes em operação e exigem pouca manutenção. Como os rolamentos rígidos de esferas são o tipo mais amplamente utilizado de rolamento, nós os disponibilizamos em vários modelos, variantes e tamanhos.

Rolamentos Y

rolamentos em y

Os rolamentos Y, que normalmente se referem a rolamentos da série Y, são baseados em rolamentos rígidos de esferas selados das séries 62 e 63, mas possuem um anel externo convexo e, na maioria dos casos, um anel interno prolongado com um dispositivo de travamento, possibilitando a montagem rápida e fácil no eixo.

Rolamentos Y estão disponíveis individualmente ou como unidades. As unidades de rolamentos Y consiste em um mancal, rolamento e vedação e são pré-montadas e engraxadas na fábrica. Essas unidades prontas para montagem podem acomodar desalinhamento inicial moderado, mas normalmente não permitem deslocamento axial do eixo.

Os rolamentos Y e as unidades de rolamento Y oferecem uma solução simples e econômica que pode fornecer diversas vantagens.

Rolamentos de esferas de contato angular

rolamentos de esferas de contato angular

Os rolamentos de esferas de contato angular possuem pistas nos anéis interno e externo que são deslocadas uma em relação à outra na direção do eixo do rolamento. Isto significa que eles são adequados para suportar cargas combinadas, ou seja, cargas axiais e radiais atuando simultaneamente.

A capacidade de carga axial de rolamentos de esferas de contato angular torna-se maior à medida que se aumenta o ângulo de contato. O ângulo de contato é definido como o ângulo entre a linha que une os pontos de contato da esfera e as pistas no plano radial, ao longo do qual a carga é transmitida de uma pista para outra, e uma linha perpendicular ao eixo do rolamento

Rolamentos autocompensadores de esferas

Rolamentos autocompensadores de esferas

Os rolamentos autocompensadores de esferas possuem duas carreiras de esferas e uma pista esférica comum no anel externo. Isto torna o rolamento insensível ao desalinhamento angular do eixo em relação ao mancal. Os rolamentos autocompensadores de esferas geram menos atrito que qualquer outro tipo de rolamento de esferas, o que permite que eles trabalhem com uma temperatura mais baixa, mesmo em altas velocidades.

Rolamentos de rolos cilíndricos

Rolamentos de rolos cilíndricos

A maioria compreende rolamentos de uma carreira de rolos com gaiola. Rolamentos de alta capacidade, rolamentos de duas carreiras, rolamentos de várias carreiras, rolamentos de uma, duas ou várias carreiras (sem gaiola) com número máximo de rolos e mancais bipartidos.

Os rolamentos com gaiola podem suportar cargas radiais pesadas, acelerações rápidas e velocidades elevadas. Os rolamentos de rolos cilíndricos com número máximo de rolos contêm a quantidade máxima de rolos sendo, dessa forma, adequados para cargas radiais extremamente altas em velocidades moderadas. Os rolamentos de rolos cilíndricos de alta capacidade combinam a alta capacidade de carregamento de carga de um rolamento de conjunto completo com a capacidade de alta velocidade de um rolamento com gaiola.

Rolamentos de rolos de agulhas

Rolamentos de rolos de agulhas

Os rolamentos de rolos de agulhas têm rolos cilíndricos de diâmetro pequeno em relação a seu comprimento. As extremidades dos rolos são levemente abauladas para modificar a linha de contato entre as pistas e os rolos. Isso evita picos de tensão nas extremidades do rolo, levando ao prolongamento da vida útil do rolamento. A despeito de sua seção transversal baixa, os rolamentos de rolos de agulhas possuem uma alta capacidade de carga. Portanto, são extremamente indicados para arranjos de rolamentos onde o espaço radial é limitado.

Rolamentos de rolos cônicos

Rolamentos de rolos cônicos

Os rolamentos de rolos cônicos têm pistas de anel interno e externo cônicas e rolos cônicos. Eles são adequados para suportar cargas combinadas, ou seja, cargas axiais e radiais atuando simultaneamente. As linhas de projeção das pistas convergem em um ponto comum no eixo do rolamento para oferecer movimento rolante autêntico e baixo atrito. A capacidade de carga axial de rolamentos de rolos cônicos torna-se maior à medida que se aumenta o ângulo de contato α. O tamanho do ângulo está relacionado ao fator de cálculo e: quanto maior o valor de e, maior será o ângulo de contato. É comum ajustar um rolamento de uma carreira de rolos cônicos contra um segundo rolamento de rolos cônicos.

Os rolamentos de uma carreira de rolos cônicos são separáveis, ou seja, o anel interno com conjunto de gaiola e rolos (cone) pode ser montado separadamente do anel externo (capa).

Rolamentos axiais de agulhas

Rolamentos axiais de agulhas

Os rolamentos axiais de agulhas são dotados de uma gaiola de forma estável para reter e orientar confiavelmente um grande número de rolos de agulhas. O minúsculo desvio de diâmetro dos rolos de um mesmo conjunto permite que esses rolamentos acomodem cargas axiais e cargas de choque pesadas. As extremidades dos rolos são levemente abauladas para modificar a linha de contato entre as pistas e os rolos. Isso evita picos de tensão nas extremidades do rolo, levando ao prolongamento da vida útil do rolamento.

Os rolamentos axiais de agulhas proporcionam um alto grau de rigidez dentro de um espaço axial mínimo. Em aplicações nas quais as faces de componentes adjacentes possam atuar como pistas, os rolamentos axiais de agulhas não ocupam mais espaço do que uma arruela axial convencional.

Rolamentos axiais autocompensadores de rolos

Rolamentos axiais autocompensadores de rolos

Os rolamentos axiais autocompensadores de rolos possuem pistas especialmente projetadas e contêm um grande número de rolos assimétricos. Os rolos têm conformidade ideal com as pistas da arruela para otimizar a distribuição de carga ao longo do comprimento do rolo. Portanto, eles podem suportar velocidades relativamente altas, cargas axiais pesadas em uma direção e cargas radiais pesadas. A carga é transmitida entre as pistas em um determinado ângulo com o eixo do rolamento. Os rolamentos axiais de rolos são autocompensadores e conseguem suportar desalinhamentos do eixo em relação ao mancal, que podem ser causados, por exemplo, por deflexão do eixo.

Rolamentos híbridos

Rolamentos híbridos

Os rolamentos híbridos possuem anéis feitos de aço para rolamentos e corpos rolantes feitos de nitreto de silício com qualidade especial para rolamentos (Si3N4). Como o material cerâmico do nitreto de silício é um excelente isolante elétrico, os rolamentos híbridos podem ser usados para isolar efetivamente o mancal do eixo em motores CA e CC, assim como geradores.

Além de serem excelentes isolantes, os rolamentos híbridos têm capacidade de velocidades maiores e proporcionam uma vida útil prolongada para o rolamento, sob as mesmas condições operacionais dos rolamentos de mesmo tamanho com corpos rolantes de aço. Os rolamentos híbridos também têm um excelente desempenho sob condições de vibração ou oscilação. Frequentemente, não é necessário pré-carregar o rolamento ou aplicar uma graxa especial sob essas condições.